Como o Pix pode impactar o seu e-commerce?

O Pix já possui enorme popularidade no mercado, pela rapidez e praticidade, e está entre as formas de pagamento preferidas dos consumidores. Segundo pesquisa da Neotrust, em abril desse ano, o número de pagamentos via Pix chegou a 11,5%, no comércio eletrônico, alcançando marca histórica desde sua implementação, em novembro de 2020.

Ainda segundo a pesquisa, em 2022 o Pix alcançou 8,3%; 8,8% e 9,7% de participação nos meses de janeiro, fevereiro e março, respectivamente. No ano passado, a participação foi de 1,7%; 2,5% e 3,4%. Diante desse cenário, oferecer a possibilidade de pagar via Pix tornou-se necessário para manter uma empresa competitiva no mercado, atrair leads e fidelizar clientes.

Pix e seu impacto nos e-commerces

O Pix é definido como uma modalidade de pagamento instantâneo disponível 24 horas por dia e sete dias por semana o ano todo. Isso significa que uma pessoa pode receber ou transferir dinheiro em tempo real, até mesmo fora do horário comercial.

A velocidade e a disponibilidade do Pix são os principais diferenciais dessa modalidade, o que explica sua rápida aceitação entre os consumidores. Pensando nisso, nós reunimos alguns pontos que devem ser considerados ao oferecer o pagamento via Pix em e-commerces:

Baixos custos

O Pix é realizado diretamente entre as contas do pagador e do recebedor, ou seja, não é necessário ter a presença de intermediários no processo. Logo, as taxas de transação são menores para a empresa que recebe o dinheiro. Vale ressaltar que o cliente (pagador) não é onerado na operação.

Praticidade

Cada conta bancária possui uma chave pix que funciona como identificador do usuário, substituindo os tradicionais “dados da conta”. Essa chave pode ser um e-mail, o CPF/CNPJ, um número de telefone e/ou uma chave aleatória (sequência de números e letras gerados pelo próprio sistema). No caso de Pessoas Jurídicas, elas podem escolher até 20 chaves distintas. 

Além disso, é possível gerar um QR Code para fazer pagamentos ou cobranças. Essa função oferece mais praticidade na hora do pagamento em lojas virtuais, pois o cliente precisa apenas ler o código com o aplicativo bancário e realizar a transferência. Assim, o e-commerce oferece um meio simples e eficiente de efetuar pagamentos. 

Outra função que garante mais praticidade ao usuário é o Pix Cobrança com Vencimento. Lançado em maio de 2021, essa funcionalidade permite criar uma fatura com data de vencimento futura. Dessa maneira, o cliente, especialmente aquele que não consegue pagar à vista, pode deixar um pix programado para a data do vencimento da fatura.

Instantaneidade

Por se tratar de um meio de pagamento instantâneo, o Pix promove não apenas agilidade para os clientes, mas também para a operação do e-commerce. Ao realizar a venda de um calçado no Pix, por exemplo, o dinheiro é imediatamente identificado na conta da loja virtual. 

Com isso, em termos logísticos, a empresa não precisa esperar o pagamento cair para viabilizar a encomenda, reduzindo o tempo de entrega do produto. Já do ponto de vista financeiro, o Pix é uma ótima maneira de ter maior capital de giro.

Segurança

Além da utilização de chaves que apenas o dono da conta pode cadastrar, a circulação do dinheiro oriundo do Pix acontece na rede do Sistema Financeiro Nacional — criado e administrado pelo Banco Central do Brasil. Isso garante maior segurança para autenticação de transações digitais.

O Banco Central também estabelece diversas medidas de segurança que os comércios digitais devem seguir ao instalar o Pix. Tudo isso é para promover maior segurança aos clientes e a utilização honesta da ferramenta.

Inclusão

Praticamente toda loja virtual oferece opções de pagamento no cartão (débito ou crédito) e boleto bancário. Mesmo assim, uma grande parcela da população não tem acesso aos cartões e, ao recorrerem à compra on-line, acabam optando pelo boleto bancário, o que pode gerar o fenômeno do “abandono de carrinho”.

Ele ocorre quando um cliente não efetua o pagamento do boleto e a loja virtual, além de não concluir a venda, arca com os custos da operação. Porém, o Pix é uma solução acessível para incluir consumidores no universo das compras digitais e resolver o problema dos abandonos com facilidade.

Podemos concluir que o Pix é uma modalidade de pagamento que traz praticidade e comodidade para o cliente e taxas de operação menores para o e-commerce. Dessa maneira, a loja otimiza a experiência do usuário e garante mais opções de pagamento além do cartão e do boleto bancário, mantendo-se competitiva no mercado.

Este conteúdo foi publicado originalmente no portal E-commerce Brasil.

Contact Us

Fill the form below and our team will contact you shortly. If you prefer, contact us by phone or email.







    I accept the terms.